Apologética Católica

 Ator de Hollywood Jim Caviezel fala do amor de Deus:

Ele perdoa e ama, sempre!



          O ator Jim Caviezel, famoso por retratar Jesus em A Paixão de Cristo, fez um discurso eletrizante na igreja Rock Church, na Califórnia (EUA). Ele citou os vários pecados que as pessoas na plateia podem ter cometido, incluindo homicídio e aborto, mas fez questão de lembrar as pessoas de que Deus tem muito amor para todo mundo e pode oferecer misericórdia e graça depois de um pecado foi cometido.

           Jim Caviezel que interpretou um papel de destaque no cinema, interpretando o protagonista do polêmico “A paixão de Cristo,” contou sobre ser rejeitado por Hollywood desde que aceitou ser Jesus Cristo no filme.

          "Alguns de vocês fizeram abortos - alguns homens aqui, e também as mulheres, são adúlteros", disse Caviezel durante uma sessão de perguntas e respostas na igreja. "Alguns cometeram assassinato. Alguns de vocês não cometeram aborto, mas pagaram por ele, então vocês contribuíram para isso. Muitas pessoas fazem parte deste grande pecado neste país... mais de 50 milhões apenas nos estados nos Estados Unidos, e 45 milhões morrem a cada ano no mundo. Estes são todos filhos de Deus e Deus os traz para casa”.

           Caviezel está viajando por todo o país, compartilhando sua história de fé com várias congregações e grupos de pessoas. Desde que fez A Paixão de Cristo, ele tem sido um defensor da fé cristã e da misericórdia e do amor de Deus. Ele insiste que Deus oferece amor e perdão para todos, não apenas aos puros de coração "Você não tem que morrer para experimentar o Céu", continuou Caviezel. "Deixe-me ser muito claro: Você já foi a um dos seus amigos e perguntou a ele: Pode ouvir minha história? E ele ou ela disse: 'Sim'. Eu fui até esta pessoa e perguntei: 'Por que você procura essa pessoa?' Ele ou ela respondeu: ‘Porque eles não me julgaram. Eles me amaram e eu senti graça e misericórdia’”.

          "Você acha que o seu Deus não tem mais misericórdia e graça do que o seu amigo? Você acha que seu amigo tem mais graça do que Deus", perguntou Caviezel. "Será que o seu amigo tem mais amor do que o Criador? Não pode ser. Nunca. Então – Deus perdoa você e agora Ele precisa que você comece de novo, que aceite o perdão”.

          O vídeo da pergunta de Caviezel e a sessão de respostas, juntamente com o seu discurso de encerramento, se tornou viral, mostrando sua popularidade e a popularidade da mensagem que ele traz, que é de que Deus perdoa e ama.

         "Antes eu disse que Deus nunca envia um homem para o inferno – as pessoas escolhem este lugar. É a sua escolha", acrescentou. "Deus fez você e te ama. Nunca houve alguém como você. Ele considerou que você viria aqui hoje. Você é perfeito e sem você, Ele poderia chorar. Toda vez que pecamos, O negamos. Sejam perfeitos. Amai uns aos outros como eu vos amei. Eu prefiro ser um desconhecido aqui e ter o meu nome lá em cima”, Caviezel encerrou, com os olhos enchendo de lágrimas.


           Veja o vídeo, em inglês.


Crie um site gratuito com o Yola.